Arsenal e sua maratona

Nesse fim de semana o Arsenal não passou do empate contra o modesto Leyton Orient pela Copa da Inglaterra. Pensando especificamente na competição o resultado não pesa tanto, pois é difícil imaginar que os Gunners não vençam no jogo repetição em Londres.

O problema é justamente esse jogo extra. Mais uma data no calendário apertadíssimo de uma equipe viva nas quatro frentes em que disputa. Único clube com reais chances de tirar o título do Manchester United – quatro pontos atrás dos líderes – ainda marcam presença na final da Copa da Liga Inglesa. Paralelamente, aguardam o jogo da volta contra o Barcelona, após vencer por 2 a 1 no Emirates Stadium.

Discutir o excessivo número de jogos que os clubes ingleses fazem por temporada não é exatamente uma novidade. O jogo extra contra o Leyton Orient é mais uma rodada na carregada agenda do Arsenal. E faz pensar que talvez uma eliminação não tivesse sido tão desastrosa.

Siga também no twitter: http://www.twitter.com/juniorlourenco

La vecchia signora com velhos problemas

Passados alguns anos da punição que levou a Juventus à segunda divisão do Campeonato Italiano, a torcida da Juve esperava que a atual temporada pudesse trazer resultados melhores.

As contratações de Krasic, Aquilani e Quagliarella, se não foram as mais comentadas do mercado, ao menos eram boas escolhas do ponto de vista técnico. O retorno do Buffon durante o ano e o sempre importante Del Piero surgiam como expoentes de uma possível reação.

Vinte e três rodadas depois, “la vecchia signora” tem problemas. Está na oitava posição e seis pontos distantes da última vaga para a próxima Liga dos Campeões.

Nas últimas rodadas, derrotas para Palermo e Udinese, além de um empate com a Sampdoria. Na janela europeia de inverno trouxe apenas Barzagli e Matri, ex-Wolfsburg e Cagliari, respectivamente. Será o suficiente para voltar à principal competição de clubes do continente?

O atacante Matri assinou com a Juve em Janeiro

Siga também no twitter: http://www.twitter.com/juniorlourenco

Mercado de transferências

Esta segunda-feira foi o último dia de transferências no mercado de inverno europeu. Claro que a contratação mais comentada foi a de Fernando Torres, saindo do Liverpool e chegando ao Chelsea por 58 milhões de euros, valor mais alto pago por um clube inglês até hoje.

Mas não foi a única grande movimentação do período. Aqui, o É Pênalti traz uma lista das principais mudanças na janela que se encerrou ontem.

Obs: valores em milhões de euros.

Fernando Torres(ESP)
Ex-clube: Liverpool(ING)
Atual clube: Chelsea(ING)
Valor: 58mi

David Luiz(BRA)
Ex-clube: Benfica(POR)
Atual clube: Chelsea(ING)
Valor: 25mi + Nemanja Matic(SER)

Andy Carrol(ING)
Ex-clube: Newcastle(ING)
Atual clube: Liverpool(ING)
Valor: 40mi

Luis Suárez(URU)
Ex-clube: Ajax(HOL)
Atual clube: Liverpool(ING)
Valor: 26.5mi

Darren Bent(ING)
Ex-clube: Sunderland(ING)
Atual clube: Aston Villa(ING)
Valor: 21.5mi

Edin Dzeko(BOS)
Ex-clube: Wolfsburg(ALE)
Atual clube: Manchester City(ING)
Valor: 30mi

Giampaolo Pazzini(ITA)
Ex-clube: Sampdoria(ITA)
Atual clube: Internazionale(ITA)
Valor: 12mi + Jonathan Biabiany(FRA)

Nicola Legrottaglie(ITA)
Ex-clube: Juventus(ITA)
Atual clube: Milan(ITA)
Valor: empréstimo até o fim da temporada

Patrick Helmes(ALE)
Ex-clube: Bayer Leverkusen(ALE)
Atual clube: Wolfsburg(ALE)
Valor: 8mi

Emmanuel Adebayor(TOG)
Ex-clube: Manchester City(ING)
Atual clube: Real Madrid(ESP)
Valor: empréstimo até o fim da temporada

Siga no twitter: http://www.twitter.com/juniorlourenco